A Indefectível Missão de Renildo Salvador

“A Indefectível Missão de Renildo Salvador” ou “The Unfailing Mission of Renildo Salvador” nasceu da frustração com a baixa audiência da web série de humor que havia criado originalmente, divulgada apenas para os poucos amigos do FACEBOOK. 

Eram consultas improvisadas do idealista Renildo em que ele imaginava poder mudar, através da sua visão especial de psicanálise, os erráticos e anti éticos “pacientes” que apareciam no seu apartamento.

O diretor Ronaldo Germam Criou então duas novas personagens,e manteve o personagem Renildo Salvador incrementando seu back story, e desenvolveu um roteiro (35% do tempo total do filme) que se adaptasse ao que havia sido feito na web série, mantendo as consultas finalizadas anteriormente.

“Foi muito complicado fazer tudo sozinho – não havia grana para pagar nem mesmo à uma equipe mínima – mas contar com um elenco talentoso que topou a aventura ajudou muito”.diz Ronaldo

“Fazer o filme Indefectível Dr Renildo, foi um desafio, além do tempo exígido , foi uma produção lowcost, só mesmo com a garra e determinação do diretor que se virou nos trinta, e o engajamento de todos atores. 

Filmamos em tempo recorde, foi um trabalho árduo, mas compensatório, tinha muitas falas e pouco tempo para as filmagens, e dependíamos do tempo a nosso favor, pois a maioria das minhas cenas eram externas. Mas como amo desafios foi um prazer enorme ter participado desse trabalho”.completa Tania Ferreira (Marilda)

A personagem Marilda, viúva de militar, tem uma pensão generosa, não precisa trabalhar para seu sustento, neurótica, racista, preconceituosa e homofóbica, seu passatempo predileto é perseguir seus vizinhos, chegando ao cúmulo do absurdo, ou as raias da loucura, ao colocar escutas nos apartamentos só para ficar no controle da vida deles, sua referência e orgulho é o marido, militar de alta patente que lutou bravamente pra salvar a pátria dos comunas e ajudou à implantar o regime de ditadura no país em 64 (palavras dela).Mas ela guarda um segredo trancado às setes chaves. O restante da história deixo para assistirem no Amazon. Ah e não esqueçam das estrelinhas!

Um pouco mais  sobre Ronaldo Germam

Me interessei por cinema com os filmes de Chaplin, que meu pai, ele mesmo um artista “amador” multi talentoso, me levava para assistir. Mas a paixão mesmo surgiu na minha pós adolescência, quando ele me presenteou com uma pequena câmera Super 8 e pude aprender, errar, experimentar com aquela ferramenta.

A paixão por fazer filmes e me expressar através deles, mesmo que ainda sendo descoberta, veio quando eu estudava Engenharia na PUC – RJ. Após 5 semestres de insatisfação, comecei a ter aulas com um diretor de fotografia americano, e resolvi mudar para o curso Comunicação Social, com muito mais afinidade com o audiovisual.

Sempre trabalhei nos meus projetos de forma simples e sem recursos, porque eu era tímido socialmente e existiam ideias e sentimentos a serem compartilhados. Fazer filmes e me comunicar através deles era a possibilidade de driblar minha insistente timidez e chegar nas pessoas, em seus corações.

Fotos Acervo pessoal

Compartihe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
E-MAIL

Veja também:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp