14 de julho de 2024

Chegada de embarcações com visitantes começa a se intensificar no Porto de Parintins

O número de visitantes que chegam à Ilha Tupinambarana para o Festival Folclórico de Parintins por meio de embarcações começou a se intensificar nesta quarta-feira (26), segundo o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit).

O Porto de Parintins é de extrema importância para a região, sendo o segundo maior terminal hidroviário do Amazonas. Conforme o Dnit, nos dois primeiros dias da semana do Festival Folclórico de Parintins, cerca de cinco mil pessoas desembarcaram na cidade por meio de embarcações.

Agentes do órgão que atuam no Porto de Parintins informaram ao g1 que o maior número de visitantes em um único dia deve ser registrado nesta quinta-feira (27). Segundo eles, no ano passado, o dia que antecede a abertura do festival teve o registro de 29 mil visitantes que chegaram por meio de embarcações.

A funcionária pública Arlete Mara costumava ir para Parintins todos os anos antes da pandemia da Covid-19. Esta é a primeira vez que ela foi para a Ilha da Magia após o período e por um motivo especial.

A viagem foi um presente para a filha dela, a estudante Natasha Mara, de 19 anos, que havia sido prometido para os 15 anos dela, mas que precisou ser adiado devido a pandemia.

“Eu cresci com o boi na família. Sempre foi uma expectativa pra mim vir aqui. Era para ser a minha a minha viagem de 15 anos, mas não deu porque era época de pandemia e, nos anos anteriores, estava em época de provas na escola. Esse ano, coincidiu de eu estar de férias na faculdade, compramos e viemos sem planejamento nenhum. É uma experiência única”, contou a jovem.

A estudante Angélica Cristina é manauara e viajou para Parintins no primeiro barco que chegou a Ilha da Magia nesta quarta-feira (26). Após um dia de viagem, ela afirmou que o trajeto foi feito de maneira tranquila e a embarcação que veio não estava tão lotada quanto as que costumam ir para a cidade no período.

“Não veio muita gente, não veio muita muvuca nesse bar. Foi bom. Nós saímos de lá dez horas da manhã e chegamos dez horas aqui. Foi tranquilo. Vim com os amigos, com a família, com a minha mãe que tá chegando amanhã também, meu filho. E a gente veio aqui atrás da vitória do garantido. Então vamos sair daqui com ela”, afirmou.

Compartihe:

Você também pode gostar