Em cachoeira, homem bate a cabeça e desaparece nas águas no Amazonas

Um homem desapareceu nas águas da cachoeira do Castanho, em Iranduba (a 26 quilômetros de Manaus). O desaparecimento aconteceu na tarde de domingo (21), e a equipe de resgate e mergulho do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) foi acionada para iniciar as buscas do desaparecido.

De acordo com o registro de ocorrências dos bombeiros, o homem estava aproveitando o domingo na cachoeira, juntamente com um grupo de amigos. Enquanto estava tomando banho, o homem foi mergulhar e bateu cabeça. Após o baque, ele ainda boiou e, então, afundou novamente.

Os amigos se desesperaram e acionaram o CBMAM, que se dirigiu até o local para iniciar as buscas pelo homem.As equipes ainda informaram que a profundidade das águas naquela região é de sete metros.

Cachoeiras são perigosas

As cachoeiras são algumas belezas da natureza. No entanto, a inconstância das águas e um momento de falta de atenção podem ser um risco à vida. No último dia 2 de setembro, um turista perdeu o equilíbrio, escorregou da corda de segurança e caiu nas fortes águas correntes da Cachoeira do Mutum, situada no quilômetro 54 da rodovia estadual AM-240. Ele morreu afogado.

O turista Daniel Canal Mendes, 43 anos, estava acompanhado de uma amiga que, ao ver ele tentando se salvar, gritou por socorro. Banhistas fizeram o possível para resgatar Daniel, mas, após alguns minutos, já o encontraram sem vida.

Compartihe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
E-MAIL

Veja também:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp