13 de julho de 2024

Sedecti promove workshop buscando ampliar participação de produtos regionais do Amazonas no mercado

Evento reuniu empreendedores para debater a diversidade  dos produtos locais, incentivando parcerias estratégicas e expansão comercial

A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti), em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Empresas (Sebrae), realizou, nesta terça-feira (09/07), o Workshop Preferência Regional, buscando fortalecer a economia local por meio da ampliação da presença dos produtos regionais nos mercados atacadista e varejista. O evento também promoveu parcerias estratégicas entre empreendedores e entidades públicas.

Representando o titular da Sedecti, Serafim Corrêa, o secretário-executivo de Desenvolvimento Econômico, Gustavo Igrejas, destacou a importância do workshop como uma ferramenta para compreender melhor as cadeias produtivas e promover a presença dos produtos locais através da colaboração entre os órgãos. Ele enfatizou ainda o valor agregado que esses produtos podem alcançar ao serem disponibilizados nas prateleiras regionais.

“Nós temos muitos produtos de muita qualidade, mas que não encontramos com regularidade. Nós compramos uma vez, e quando vamos comprar pela segunda vez, não achamos mais. É preciso trabalhar toda a cadeia, desde a colheita até o semeio”, disse Igrejas.

Segundo o secretário, é preciso atingir primeiro o mercado local, visando também os mercados nacional e internacional. Hoje trabalhamos linha de crédito, trazendo esses produtos regionais e dando qualidade a eles, inclusive, o Sebrae tem um trabalho muito forte de ensinar a parte de gestão econômica. É um trabalho completo que o Governo do Estado pretende fazer”, destacou Gustavo Igrejas.

A diretora administrativa e financeira do Sebrae Amazonas, Adrianne Antony Gonçalves, pontuou a importância do evento como uma forma de aproximar os empreendedores dos seus consumidores, garantindo o funcionamento pleno da economia regional.

“Temos produtos tradicionais e inovadores. Temos uma farofa feita totalmente com insumos amazônicos, que também é proteica. Sozinha, ela já vira uma refeição. É um produto de alta qualidade e tem nosso DNA amazônico, mas acaba não sendo conhecido pelo grande público. Movimentos como este, que estamos participando hoje, são justamente para isso: aproximar o produtor e o empreendedor do público-alvo”, ressaltou.

Adrianne também destacou a união entre a Sedecti e o Sebrae na realização do workshop, como uma forma de somar forças para contribuir com o debate e a acessibilidade dos produtores locais, permitindo que seus serviços sejam expostos.

Entre os empreendedores presentes estava Mauricio Cândido, sócio da Wasai Amazonas, empresa responsável pela produção do vinho de açaí. Segundo Maurício, o produto vem sendo desenvolvido há dez anos, colecionando experimentos rumo à produção industrial em uma escala maior.

“É muito importante estarmos mostrando as variedades que o açaí pode trazer, e em cima disso, estamos trabalhando há um bom tempo com o vinho de açaí. O vinho é uma novidade no mercado daqui, então há a possibilidade de expandirmos isso, produzindo aqui para levar para o mundo”, destacou o empreendedor.

Na ocasião, também foi apresentado outro produto alimentício, a Farofa Proteica, fabricada por Tom Agra. O empreendedor enfatizou a importância do evento para os demais produtores regionais, destacando o papel da inclusão de cada participante no processo. “Participar de um evento como esse é abrir portas para que as pessoas tenham a oportunidade de saber que nós estamos no mercado, e com um diferencial”, afirmou.

Compartihe:

Você também pode gostar

Camila Pudim lança “Divertidamente Makeup” em duas línguas e alcança mais de 40 milhões de visualizações em 24 horas

Famosos
12 de julho de 2024