Segurança é reforçada na Arena da Amazônia no segundo dia de jogos do Torneio Internacional de Futebol Feminino

A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), por determinação de seu titular, o general Carlos Alberto Mansur, deu continuidade à operação Arena 36, realizada no domingo (28/11), na Arena da Amazônia Vivaldo Lima, durante o segundo dia de jogos do Torneio Internacional de Futebol Feminino.

A operação contou com um efetivo de 82 agentes da Segurança Pública, entre policiais civis e militares, bombeiros, além de servidores de órgãos municipais que atuaram em um trabalho integrado para garantir a segurança dos torcedores e participantes do torneio.

Os jogos foram marcados pela tranquilidade dentro e fora do estádio, com ocorrências pontuais e controladas pelos agentes de segurança.O industriário Douglas Cavalcante foi ao estádio para assistir aos jogos e levou as duas filhas, de 10 e 13 anos.

No trajeto do estacionamento até a Arena, ele comentou sobre a importância do policiamento para garantir a segurança dos torcedores.“Em vários locais que detectamos durante o trajeto vimos policiamento, e isso nos proporciona um sentimento de segurança e bem-estar com a nossa família. Até aqui próximo encontramos vários policiais que nos ajudaram. Como o jogo vai terminar mais tarde, vai ser bastante importante o policiamento”, contou.

Centro de monitoramento – O evento contou com o monitoramento em tempo real das câmeras do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), da Secretaria Executiva Adjunta de Planejamento e Gestão Integrada de Segurança (Seagi), e do Centro de Cooperação da Cidade (CCC), da Prefeitura de Manaus.De acordo com o secretário Carlos Alberto Mansur, a SSP-AM abriu o CICC na Arena para coordenar as atividades do torneio, que é uma parceria entre a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e o Governo do Amazonas.“O objetivo da criação desse Centro Integrado é justamente acompanhar todas as atividades das equipes e também proporcionar segurança para as equipes que são internacionais, como também dar toda a segurança para o público”, disse.

Protocolos – A partida adotou regras e recomendações do Protocolo para a Realização de Eventos Esportivos no Estado do Amazonas e pela Portaria nº 176/2021, determinadas pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), por meio da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), e pela Fundação Amazonas de Alto Rendimento (Faar), respectivamente.

Compartihe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
E-MAIL

Veja também:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp