Construção do Terminal 6, no Lago Azul, chega a 38% de obra concluída

A construção do Terminal de Integração do Lago Azul (T6), na zona Norte, avança e já alcança os 38% de execução. A estrutura está sendo implantada no cruzamento das avenidas Governador José Lindoso (também conhecida como avenida das Torres) e Comendador José Cruz e integra as melhorias no transporte coletivo anunciadas pelo prefeito Arthur Virgílio Neto.

“Essa é uma das grandes intervenções que a capital recebe dentro da nossa proposta de equilibrar o sistema de transporte público e garantir a melhoria efetiva na mobilidade urbana na cidade. Juntando a obra do T6 aos complexos viários da Constantino Nery e do Manoa, além das plataformas centrais e mais os 300 novos ônibus que já estão chegando à capital, daremos um passo importante na evolução que Manaus precisa, melhorando a qualidade de vida das pessoas”, destacou o prefeito Arthur Neto.

Atualmente, as frentes de obra se concentram na implantação do pavimento rígido em concreto, que compreenderá 14 mil metros quadrados do local, dedicados às quatro plataformas de integração. Também são trabalhadas as vigas de infraestrutura, que darão suporte às plataformas. Ao finalizar essa etapa, o passo seguinte será a concretagem das lajes, na parte superior.

“É uma obra de grande importância em mobilidade urbana, que dará conforto e segurança às pessoas que moram não só aqui no bairro, mas também nas áreas adjacentes. Seguimos com o efetivo de, aproximadamente, cem trabalhadores, que atuam com força total para entregarmos mais este benefício à população”, disse a engenheira fiscal da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), Elaine Figueiredo, acrescentando que o T6 deve ser entregue ainda na primeira quinzena de dezembro.

O projeto do Terminal 6 inclui quatro plataformas de integração dispostas de forma paralela, uma ao lado da outra, que vão servir de apoio para os coletivos. Os passageiros que acessarem o terminal a pé vão contar com duas entradas, uma pela avenida das Torres e outra pelo ramal do Acará. Na estrutura, as entradas e plataformas terão cobertura e os usuários do transporte coletivo também vão ter a possibilidade de recarga para os cartões eletrônicos de vale-transporte e estudantil.

Melhorias

A construção do T6 se junta a outras obras da capital, em plena execução, voltadas ao transporte coletivo, como a reconstrução do Terminal 1, na avenida Constantino Nery, e a revitalização do Terminal 3, na Cidade Nova. Além disso, a estação de transferência São Jorge já foi entregue à população com a inauguração do complexo viário Ministro Roberto Campos, na avenida Constantino Nery, e mais três estações estão sendo construídas em frente à Arena, no Santos Dumont e na avenida Max Teixeira.

Fotos – Márcio James / Semcom

Compartihe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
E-MAIL

Veja também:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp