22 de julho de 2024

Dólar opera com volatilidade, após Lula dizer que Campos Neto trabalha para prejudicar o país

O dólar opera com volatilidade nesta terça-feira (18), oscilando entres altas e baixas, após o presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmar que o Banco Central do Brasil (BC) é a “única coisa desajustada” no país e que o presidente da instituição, Roberto Campos Neto, “trabalha para prejudicar o país”.

Em entrevista à Rádio CBN, Lula disse: “só temos uma coisa desajustada neste país: é o comportamento do Banco Central. Essa é uma coisa desajustada. Presidente que tem lado político, que trabalha para prejudicar o país. Não tem explicação a taxa de juros estar como está”.

A afirmação vem na véspera da reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do BC, que acontece nesta quarta-feira (19) e vai definir o rumo da Selic, taxa básica de juros. A expectativa do mercado é que o colegiado mantenha os juros inalterados em 10,50% ao ano.

Compartihe:

Você também pode gostar