No AM, usuários inadimplentes vão poder pagar conta de água e luz no momento do corte

Usuários inadimplentes vão poder pagar as contas de água e luz no momento do corte, no Amazonas. Uma lei aprovada pela Assembleia Legislativa do Estado (Aleam) foi sancionada pelo Governo na terça-feira (21) e tem 90 dias para entrar em vigor, a partir da data.

Segundo o texto, o encarregado de efetuar o corte deve portar uma máquina de recebimento de pagamento por cartão e oferecer ao usuário do serviço a oportunidade de pagar débitos vencidos antes de efetuar o corte.

Caso o usuário liquide o débitos, o corte no fornecimento será cancelado imediatamente.

A lei também estabelece que, caso o encarregado não encontre ninguém no endereço, poderá efetuar o corte do serviço, deixando uma notificação com data e hora na qual realizou o corte.

Por fim, a nova legislação também estabelece que, “não havendo quitação total dos débitos, existentes, o corte no serviço poderá ser executado normalmente”.

A lei, no entanto, só vai entrar em vigor em 90 dias, a serem contados a partir da data em que foi sancionada pelo Governo do Amazonas. Durante esse período, as empresas não são obrigadas a portar máquina de cartão no momento do corte e poderão interromper o fornecimento dos serviços ofertados devido a inadimplência dos usuários.

Compartihe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
E-MAIL

Veja também:

Encontro Nacional Bolsa & Batom

ObjetivoReunir em torno de 40 a 50 mulheres para conversarmos de forma descontraída sobre dinheiro e sonhos, despertando nelas o desejo de serem protagonistas de

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp