Por: Redação

Projeto ‘Educar pelo Esporte’ proporciona evolução e experiências competitivas de iniciação a alunos de natação da prefeitura

As primeiras braçadas e medalhas conquistadas são inesquecíveis na vida de qualquer nadador. A Prefeitura de Manaus, por meio da Fundação Manaus Esporte (FME), em parceria com a Secretaria de Educação (Semed), proporciona essas experiências inéditas através do esporte para as crianças do projeto “Educar pelo Esporte”.

“Os projetos da Prefeitura de Manaus visam pelo bem-estar e o exercício de novos hábitos na vida dos cidadãos da nossa cidade. O que hoje é um simples passatempo, aos poucos vai crescendo junto com as habilidades e logo pode resultar em grandes nadadores no futuro. Seguimos incentivando crianças e jovens para que se mantenham motivados no caminho do esporte. Nossa missão é oferecer condições e oportunidades a eles”, destacou Aurilex Moreira, diretor-presidente da FME.

A piscina do Núcleo Coroado, que fica na minivila Olímpica, na zona Leste, além de atender o projeto “Manaus Esportiva”, é fundamental para a evolução dos alunos da rede municipal de ensino na natação. Muitos tiveram o primeiro contato com o clima competitivo da modalidade na última semana, no dia 17/11, com a participação nas Municipíadas representando suas respectivas escolas.

O evento movimenta mais de seis mil estudantes da rede municipal de ensino, competindo em 14 modalidades, e tem o objetivo de desenvolver o desporto escolar, promovendo a socialização dos alunos.

“O Educar pelo Esporte começou no segundo semestre de 2022, voltado para alunos das escolas municipais das redondezas, acima ou abaixo do peso, com espectro autista e Pessoas com Deficiência (PcDs). Atualmente, o projeto funciona apenas no turno vespertino, com mais 60 crianças ativas, dos seis aos 10 anos de idade. Recebemos crianças que começam do zero e vão evoluindo. Por isso, este ano já participamos de competições”, relatou Kátia Almeida, professora do Núcleo.

No dia 18/11, a convite da Federação Amazonense de Desportos Aquáticos (Fada), a Fundação Manaus Esporte marcou presença no Festival Amazonense de Estreantes Hélio Veiga Lima.  Com 23 atletas, entre meninos e meninas, da categoria pré-mirim ao mirim, a equipe da fundação competiu em diversos estilos e conquistou a quarta colocação geral da competição.

Ao mesmo tempo que compõem o projeto “Educar pelo Esporte”, os alunos participam do programa “Manaus Esportiva”, que atende 18 núcleos espalhados pela capital. O objetivo é promover o desenvolvimento das crianças, para que identifiquem uma atividade que gostem e passem a ter o esporte como prática comum no seu cotidiano.

A artesã Euricelia Martins é mãe de três filhos, de 6, 9 e 10 anos de idade. Todos eles aprenderam a nadar nas aulas do projeto e participaram das competições pela primeira vez.

“Para mim, como mãe, foi muito gratificante, porque vejo o crescimento deles no dia a dia. Eles chegaram aqui sem saber nada. Aqui eles se divertem, aprendem com esses grandes profissionais, nesta estrutura. No torneio, vibrei e torci muito por eles. A gente vê as primeiras braçadas e incentiva eles a quererem mais”, comentou.

Os responsáveis interessados em matricular as crianças devem comparecer ao local com documento de identificação e declaração escolar para efetuar a inscrição na atividade desejada e turma adequada.

As turmas em atividades são:

Iniciantes

Terças e quintas-feiras, de 14h30 às 15h30 

Kids

Terças e quintas-feiras, de 15h30 às 16h30 

Intermediário

Quartas e sextas-feiras, de 15h30 às 16h30

Compartihe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
E-MAIL

Veja também: