Ministério Público investigará Silvio Santos por piada com criança em 2016

O apresentador Silvio Santos será investigado pelo Ministério Público Federal por uma piada feita com uma criança em 2016. Na ocasião, o comunicador perguntou a uma menina de cinco anos se ela preferia: “sexo, poder ou dinheiro”.

O episódio ganhou nova repercussão no ano passado, quando o influencer Felipe Neto publicou o vídeo para criticar o apresentador. O inquérito foi aberto pela Procuradoria Regional de São Paulo na última quarta-feira (23/9).

“A criança e o adolescente têm direito ao respeito e à dignidade como pessoas em processo de desenvolvimento e como sujeitos de direitos civis, direito ao respeito que compreende a inviolabilidade da integridade psíquica, abrangendo preservação da imagem”, ressaltou a Procuradoria.

Segundo a coluna de Lauro Jardim, do jornal O Globo, o texto ainda destaca que “a livre manifestação do pensamento não é direito absoluto, sendo assegurado o direito de resposta, proporcional ao agravo, além de indenização por dano material, moral ou à imagem”.

Ao Ministério Público Federal, o SBT informou que “a genitora da menor ajuizou ação de indenização contra a radiodifusora em defesa dos interesses individuais e personalíssimos”, e que “não ocorreu nenhum tipo de solapamento difuso dos direitos imanentes às crianças”.

Copyright © Metrópoles

Compartihe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
E-MAIL

Veja também:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp