Leandro Lehart é condenado por estuprar e manter mulher em cárcere privado

Leandro Lehart foi condenado por estuprar e manter uma mulher em cárcere privado. A informação foi divulgada nesta sexta-feira (16) pelo Balanço Geral SP, da Record TV.

Segundo o programa jornalístico, o cantor e compositor foi denunciado por uma mulher com quem ele se relacionou no passado. Leandro foi julgado e já condenado a nove anos, sete meses e seis dias de reclusão em primeira instância pelo crime de estupro e cárcere privado. Além disso, ele vai ter de pagar 26 dias de multa.

Ainda de acordo com o programa, o cantor e compositor procurou a polícia e declarou, em um boletim de ocorrência, que teve um relacionamento eventual com a mulher, que conheceu em uma rede social em 2019. Segundo Leandro, eles teriam tido duas ou três relações sexuais consentidas na casa dele. O artista alegou ainda que decidiu romper o relacionamento para “não criar expectativas” após a mulher ter confessado que tomava remédios e que estava deprimida.

Compartihe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
E-MAIL

Veja também:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp