Pistoleiros invadem casa e matam grávida de oito meses em Manaus

Três pistoleiros invadiram uma residência e assassinaram Samantha Silva, de 18 anos, que estava grávida de oito meses, o bebê também não resistiu. Os bandidos assassinaram, ainda, o companheiro dela, Taide Ramon da Silva Picanço, de 27 anos, apontado como o principal alvo do ataque. O caso aconteceu na noite de sexta-feira (26), no bairro Colônia Terra Nova, Zona Norte de Manaus.

A mãe de Samantha também presenciou o ataque dos criminosos, e foi atingida com um tiro na perna, mas foi encaminhada à unidade hospitalar. A jovem grávida e Taíde Ramon, no entanto, não tiveram chances de sobrevier e morreram na hora.

De acordo com a polícia, a principal suspeita é que o caso tenha sido motivado por um acerto de contas do tráfico de drogas, e que a intenção dos bandidos era matar Taide. Ele, inclusive, tinha antecedentes criminais e já havia sofrido uma tentativa de homicídio horas antes de ser executado, de fato.

Entretanto, as circunstâncias do crime só poderão ser confirmadas após os andamentos das investigações serem realizadas pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Compartihe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
E-MAIL

Veja também:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp